Páginas

Potography and poetry: A fé no sertão (poema)

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

"Uma singela homenagem a minha terra, no sertão da Bahia, lugar de pessoas humildes porém fortes, cheias de vida e de desejo de viver."

Chapada Diamantina, Bahia

A fé no sertão

Se nesta terra eu nasci
Nela eu morrerei
Na roça que trabalhei
meus filhos irei criar.
Os dias são difíceis
Mais a vida é prazerosa
Pouco a pouco cuidando da roça
E de repente vê-la brotar.

No sertão vivo em alegria
Acordo cedo a cada dia
E olho para o que Deus nos deixou.
Se aos poucos o verde acabou
O sertão tão seco ficou
Foi a estiagem que nos castigou.
Mostra-me, ó Deus, quando esta terra
Voltará a ser tão bela
Como no principio criou.

A noite não consigo dormir
Pois eu sei, é daqui
Que o pão dos meus filhos conseguirei.
Sei que se a chuva não chegar
Ao olhar para a família irei chorar
Imaginando o que amanhã eu farei.

A confiança não me desaponta
Pois sei, Deus pelo pobre sempre olha
E ao abrir a porta vejo agora
O mato a germinar.
Assim o sorriso contagia
Na vizinhança que noite e dia
Trabalha para ver a plantação brotar.

Lidar com a roça não é fácil
Mas a alegria que me dá
Por nesta terra viver
Faz o trabalho prazer se tornar.
Viver no sertão traz imensa satisfação
Aqui tenho o gado e a plantação
A família para me apoiar
E a grande fé, que jamais falhará.
(Larissa Miranda)

Chapada Diamantina, Bahia, minha cidade.
Espero que tenham gostado de conhecer um pouco sobre a minha cidade :)
Beijos!

4 comentários:

Bell disse...

oi La

gostei, devemos valorizar nossas origens.

bjokas =)

Daniele disse...

Eu gostei muito sim, amei o poema, o tema e tudo.
Adoro o tema do seu blog todo rosa, é um encanto, bjos

Histórias Possíveis

Viviana Pombo disse...

Adorei conhecer, linda.
beijinhos fofos <3
http://maquilhagemesmalte.blogspot.pt/

Larissa Marilia disse...

:)

Postar um comentário

Seguidores

 
Romantic Princess | por Templates e Acessórios ©2010